Buscar
  • Socila Franquias

Empreendendo e conciliando a vida profissional e familiar

É possível empreender e conciliar a vida profissional e a familiar. Adrienny Couto (26), formada em Gestão Hospitalar pela Universidade Estácio de Sá, é empresária de sucesso do ramo da beleza na Franquia Socila localizada no bairro Carlos Prates em Belo Horizonte.


Em entrevista, relatou que iniciou sua vida profissional desde cedo no salão Socila, trabalhava na operação do salão e, logo depois, a curiosidade e o amor de trabalhar na área da beleza foi tomando espaço no seu dia a dia, fez cursos, se atualizou dentro do mercado, logo já estava fazendo outros atendimentos no salão. Na época atendia no Socila localizado na avenida José Candido da Silveira, em Belo Horizonte, foi então que teve a ideia de abrir o próprio negócio e fez da ideia uma oportunidade.



Adrienny Couto nos conta: “Gosto de ser empreendedora, amo o que faço! Tem alguns altos e baixos no negócio mas faz parte, ser empreendedora é ter coragem, pois desafios sempre vão existir”. Acrescentou: “por ser muito nova e já ter uma bagagem de conhecimento, algumas clientes não tinham tanta confiança, tinha um certo preconceito por eu ser nova e é uma tarefa árdua a rotina do salão, é mais extensa. Procuro sempre fazer um atendimento de qualidade as minhas clientes”.


Já, sobre a situação financeira informou: “Desde a abertura do salão eu e minha sócia Juliana sempre procuramos nos controlar. Sempre fazemos um planejamento, claro que poderíamos estar melhor ainda se não fosse a crise financeira no nosso país”.

Conforme, Adrienny diz que os pontos positivos de ser empreendedora são: “poder inovar e planejar o que queremos para nossa empresa, mas é preciso sempre ter coragem, ter visão de negócio e competência”.

Para poder oferecer um atendimento profissional e de qualidade a empresária diz: "hoje tenho formação em várias áreas dentro da área da beleza e na gestão, isso me possibilita ser uma profissional completa, mas tenho planos e sonhos também, pois é exatamente isso que me motiva”.



Adrienny comentou sobre sua realização profissional, e abriu o coração ao relatar a satisfação segundo as palavras das clientes que frequentam o seu salão: “hoje meu salão tem o espaço que eu queria, e atende minhas expectativas, sempre peço as minhas clientes um 'feedback' até mesmo para saber como o salão está, e o relato delas é que o ambiente é agradável e tranquilo e que elas sempre são atendidas com qualidade e carinho”.

Por outro lado, é notório que ainda algumas mulheres têm receio de empreender e não conseguirem conciliar sua vida profissional e familiar, e acabam por não dando continuidade no negócio, prejudicando a vida familiar. No entanto mulheres empreendedoras de sucesso, dentre elas mulheres guerreiras, que também passaram por isso, deixam através da sua história um legado, que serve como incentivo, é o caso da empresária Adrienny que demonstra que é possível sim, não abrir mão dos sonhos.


Ela finaliza com uma mensagem às leitoras que vivem esse dilema: “O céu é o limite, e não podemos limitar os nossos sonhos, e o que Deus criou para nós, pois, para ser empreendedora deve ter visão, coragem, fé e determinação, se tiverem, vão conseguir conciliar trabalho e família”.


Acervo: Socila Jornalista: Najla Rodrigues Rosa

29 visualizações