Buscar
  • Socila Franquias

Por que ser empreendedor no ramo da beleza - Cleber Junior

O empresário de sucesso Cleber Martins dos Santos Junior (32), formado em administração, também empresário no ramo da beleza, tem um dos seus negócios na Franquia Socila em Santos, São Paulo. Em entrevista, ressalta os motivos porque o homem deve ser um empreendedor no ramo da beleza. Declara: “[...] ver as mulheres entrando na minha empresa com uma aparência, e saindo completamente renovada, amada, linda e estonteante é o melhor pagamento que um empresário pode receber”. Acompanhe.

O que levou você a escolher a marca Socila?

Cleber Junior: Conheci a Franquia Socila a partir de uma reunião entre o Fagner e um investidor, observando a explicação do Franqueador sobre a mecânica da empresa e o que ele queria atingir com isso, eu logo me apaixonei por todo o sistema Socila de ser! Eu tinha uma pequena quantia que não era suficiente para aguentar os primeiros meses de uma empresa, mas mesmo assim confiei muito no Fagner e Fernando, diretor do Socila, e sabia que estava dentro de uma empresa que funciona. E realmente deu certo, mesmo com todos os problemas que um administrador passa quando investe em algo que não é de sua expertise, no meu terceiro mês de empresa eu precisei me afastar por 6 meses, foi onde realmente eu vi que não havia me enganado em confiar na Socila, todos grupos cuidaram do meu salão na minha ausência.


O salão surgiu como uma boa oportunidade de negócio no mercado da beleza? Por que?

Cleber Junior: Não sou da área, tenho uma responsável técnica que responde por toda a operação do salão, graças à Deus o salão cresceu bastante mesmo em época de crise, e me deu a oportunidade de investir em outras 3 empresas. Eu gosto do setor de serviços, tenho como objetivo de vida fazer dinheiro, agregando algo de valor ao próximo, e através do Socila isso foi um sonho realizado, ver as mulheres entrando na minha empresa com uma aparência, e saindo completamente renovada, amada, linda e estonteante é o melhor pagamento que um empresário pode receber.

Você faz planos para o futuro? Pode compartilhar com os leitores?

Cleber Junior: Faço sim, eu tenho um desejo de colocar uma unidade em cada região da Baixada Santista, estou batalhando para juntar dinheiro e correndo atrás de investidores, logo, logo vou conseguir estar ao alcance de mais mulheres, afinal felicidade só aumenta quando compartilhada.


Como empresário, qual foi o seu maior desafio?

Junior Cleber: Colocar o pé no freio, sou muito acelerado e quero tudo para ontem, como empresário isso nem sempre é vantajoso. Outra coisa que foi um divisor de águas, acreditar e ter fé naquela máxima “para ganhar você tem que saber perder”, e durante minha jornada administrativa, eu vivi cada momento como se fosse a única coisa que tinha para ser feito. Eu realmente me entreguei de corpo e alma, hoje quem não se entrega ao propósito Socila não consegue me acompanhar.


A situação atual do Brasil atingiu o seu negócio de alguma forma? Como você faz uso das estratégias na gestão?

Cleber Junior: Atingiu economicamente meus clientes tem outras prioridades, como educação para os filhos, parcelas ou aluguel de sua moradia, contas, e etc. Minha estratégia foi encontrar valor para retribuir aquela mulher que separa uma graninha para investir nela, essas mulheres de fibra que são meu público alvo, é para elas que eu faço qualquer sacrifício para poder abrir a porta do salão toda manhã, aquelas mulheres que com seu próprio esforço, conseguem investir em sua autoestima e sua felicidade, e sabem o quanto custou aquele investimento.

Como você define um empresário de sucesso?

Cleber Junior: Aquele que não precisa dar ordens, aquela pessoa em que todos têm prazer de lutar junto as dores do dia a dia. Aquele que consegue fazer pessoas à sua volta terem seus próprios sonhos e batalharem por ele. Um empresário na verdade só vai ter sucesso se ele conseguir transformar crises em oportunidades.


Dê dicas para os homens que pensam em ter o próprio negócio no ramo da beleza.

Cleber Junior: Mulher é emoção, sentimento, carinho, amor, toque, sensibilidade, aquela energia que faz qualquer coisa em sua volta crescer e ter vida própria. Você é capaz de fazer algo para fomentar uma mulher? Então, encara esse segmento de corpo e alma, o retorno está no sorriso delas, o retorno está quando ela te abraça e diz eu amo estar aqui no seu salão, aqui eu tenho paz, o retorno está quando ela volta para casa radiante e consegue fazer todos que ela ama mais feliz!


Jornalista: Najla Rodrigues Acervo: Socila

63 visualizações