Buscar
  • Socila Franquias

Mulher empreendedora


(fotos arquivo pessoal Bárbara)


O empreendedorismo está presente na vida de Bárbara Alvarenga (31), que iniciou seu próprio negócio dentro da franquia Socila. Segundo Bárbara, o interesse surgiu enquanto trabalhava como profissional da estética, hoje dirige o próprio negócio como atual franqueada Socila na Cidade Nova.


Em entrevista realizada, declarou: "quando surgiu a oportunidade de ter meu próprio negócio, não pensei duas vezes a se unir a esta marca tão forte”. Confira abaixo:


Na sua opinião porque as mulheres brasileiras estão empreendendo cada vez mais?

Bárbara Alvarenga: Hoje o mundo já não é mais o mesmo, pessoas que praticam a discriminação em relação a capacidade da mulher de empreender, estão ultrapassadas. Não cabe mais esse tipo de atitude, não é o gênero feminino ou masculino que define a capacidade de empreender, e sim a força de vontade e necessidade de cada indivíduo; nós descobrimos o nosso potencial perante o empreendedorismo, e a sociedade tem percebido esta diferença a cada dia que se passa.


O que levou você a decidir iniciar um negócio como franqueada Socila, frente a alternativas como seguir carreira em uma empresa?

B.A: Me conheci como profissional ligada a beleza dentro de uma franquia, aprendi admirar a maneira e o dinamismo de como são realizados todos procedimentos, quando surgiu a oportunidade de ter meu próprio negócio, não pensei duas vezes a se unir a esta marca tão forte.


Na sua opinião, quem é a mulher brasileira empreendedora Socila? E quais as características, perfil e desejos desta mulher?

B.A: Apaixonada por ela mesma, gosta de realizar sonhos, gosta de ver a satisfação do seu trabalho estampado no sorriso de seu cliente, é forte e disciplinada, sabe ir atrás do que quer, está sempre disposta a cuidar de seus colaboradores, além de organizada e dedicada; é guerreira, e gosta de envolver todos na sua paixão pelo o que faz e o que é, está pronta para atender suas clientes com maior carinho, dedicação e responsabilidade, prezando sempre pelo bem-estar de todos, querendo que a cliente esteja satisfeita consigo mesma, que se sinta mais linda depois de sair do nosso salão e que esteja sempre feliz com nosso serviço prestado.





Quais são os principais desafios desta mulher?

B.A: Conseguir manter a estabilidade, pensar em formas de sempre deixar as clientes felizes e satisfeitas com nossos serviços, deixar as promoções sempre atualizadas com as modas e tendências de acordo com cada estação; acredito que as dificuldades e os desafios existem, e sempre vão existir, porém se alimentarmos a gratidão e o trabalho duro não tem como dar errado.


Como você encontrou na sua missão um negócio rentável?

B.A: Sempre fui muito ligada a beleza e cuidados estéticos, para com as pessoas que me cercavam, cuidava sempre do bem-estar, me fazia muito feliz; com o passar do tempo a demanda aumentou e não conseguia atender todos, pois não me sobrava horário, então surgiu a ideia de um local para atender, e assim cuidar de muitas pessoas, sendo um negócio rentável e agradável.


É muito interessante a sua jornada como empreendedora! Fale um pouco de você, e deixe uma dica aos leitores.

B.A: Sou comunicativa, extrovertida, independente, dedicada e forte; adoro meus bichinhos domésticos, e o contato com a natureza repõe minhas energias, sempre fui instigada a me superar, nunca me deixei sentir restrições ou limitações; corro atrás dos meus sonhos e interesses com cuidado e perseverança; a dica que posso dar aos leitores é que quando puder escolher entre ser gentil ou ter razão, escolha ser gentil! Faça algo que lhe proporcione prazer, pois a rentabilidade e a estabilidade financeira virão em abundância.


Acervo: Socila Jornalista: Najla Rodrigues Rosa

137 visualizações